Mindfulness e ansiedade


A ansiedade pode causar vários prejuízos à saúde e o bem-estar. Ter a habilidade de estar plenamente presente no momento mostra-se uma excelente oportunidade para reduzir sensações de ansiedade, além de beneficiar a performance de nossas atividades na vida cotidiana.

O estudo abaixo foi realizado com estudantes e os resultados foram muito positivos.

Um breve resumo do estudo de Mindfulness e os seus efeitos em indivíduos com ansiedade.

Não estar presente no momento presente ou estar frequentemente devaneando sobre questões passadas e especialmente sobre questões futuras pode causar grande dispêndio de energia e gerar sintomas de ansiedade.

As práticas de mindfulness têm sido estudadas como ferramenta para redução dos devaneios e resultados interessantes surgiram nos últimos anos.

O presente trabalho propõe um efeito protetor e uma intervenção breve baseada em mindfulness através da diminuição de devaneios em indivíduos ansiosos.

O presente estudo avaliou 82 estudantes universitários através do uso de instrumentos destinados a verificar nível de ansiedade, afetividade e traço de mindfulness e também verificou devaneios durante um teste de atenção.

Observou-se que uma única sessão de mindfulness reduziu a quantidade de devaneios na população estudada. Além disso, o trabalho mostra uma mudança de percepção de devaneios, sendo as distrações mais relacionadas ao mundo externo do que a preocupações autocentradas.

Uma única sessão de mindfulness auxilia na mudança de foco e previne o aumento de devaneios em indivíduos ansiosos.

Dessa forma, ao permanecer mais tempo no momento presente, ocorre a diminuição de pensamentos ruminativos ou repetitivos a respeito de preocupações, gerando um efeito protetor de modo a reduzir sintomas de ansiedade.

Você encontra o artigo original: Mindfulness and mind wandering: The protective effects of brief meditation in anxious individuals. Author: Xu et al., 2017. Acesse nesse link. (via Mente Aberta)

Em Destaque
Recentes